IMPRENSA
30 de setembro de 2020 - 11h31

A- A A+

SESI-SENAI-IEL de Vilhena está na terceira fase da Olimpíada de História


 

 

A competição teve início dia 6 de setembro e encerra em 30 de outubro. Em 22 de novembro, serão divulgados os medalhistas

 

Alunos do Novo Ensino Médio do colégio SESI-SENAI de Vilhena estão entre os 70 mil estudantes de escolas particulares e públicas de todo o Brasil, que desde o dia 6 de setembro participam da 12ª edição da Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB), que nesta quarta-feira iniciou a terceira fase.

 

Joseph Valadão Fantin, Ana Beatriz Araújo Saraiva e Alana Lago Ferreira Lima, da equipe Alunos do Tempo e Lívia Damião Vieira, Guilherme Krause Ramos e Karla Eduarda Lopes Costa, da equipe Trina Democrática, seguem na competição disputando com de mais de oito mil equipes.

 

Os dois grupos representantes do SESI-SENAI de Vilhena, contam com a orientação da professora Maria de Lourdes Souza Lima e Silva. Ela explica a ONHB tem sete fases, sendo que a primeira – chamada de “fase zero” – teve caráter experimental e de treinamento para que os alunos se adaptassem ao novo formato. A prova também será mais enxuta, com três questões a menos. “A Olimpíada mobiliza temas interdisciplinares como geografia, literatura, arqueologia, urbanismo, atualidades e tem um impacto muito positivo na leitura, compreensão e escrita dos estudantes participantes”, ressalta.

 

De acordo com a orientadora, os alunos têm se dedicado à olimpíada com afinco e conquistaram cada etapa com brilhantismo. “Agora passaram à terceira fase e a expectativa é que os dois grupos cheguem à etapa final”, disse. Maria de Lourdes destaca a importância da participação das duas equipes representando o SESI-SENAI na olimpíada. “Sem dúvida tem sido uma experiência rica de conhecimento, que certamente vai agregar muito aos nossos alunos. Eles estão amando e querem se inscrever para a edição de 2021”, afirma.

 

A Olimpíada Nacional em História do Brasil é um projeto de extensão da Universidade Estadual de Campinas, desenvolvido pelo Departamento de História por meio da participação de docentes, alunos de pós-graduação e de graduação. A ONHB conta com seis fases e teve início com um total de 17,4 mil grupos inscritos. O anúncio dos medalhistas será feito por meio de um vídeo publicado nas redes sociais. Haverá, no mínimo, 400 equipes finalistas – o dobro dos anos anteriores -, com distribuição de 20 medalhas de ouro, 30 de prata e 40 de bronze. As medalhas e brindes serão enviados às escolas.

 

Em suas onze edições a ONHB firmou-se como uma empolgante competição para equipes de oitavo e nono ano do ensino fundamental e do ensino médio de todo o Brasil, trazendo uma proposta inovadora de estudar a história do Brasil, abordando temas fundamentais a partir de documentos históricos, imagens, mapas, textos acadêmicos, pesquisas inéditas e debates historiográficos.

 

Assessoria de Comunicação Social FIERO

 


Mais notícias

Pavimentação asfáltica garante qualidade e segurança à comunidade escolar do SESI-SENAI-IEL de Cacoal

SESI-SENAI-IEL Lagoa leva alunos para um mergulho virtual ao mundo da leitura

Mega Aulão remoto movimenta alunos do colégio SESI-SENAI-IEL de Pimenta Bueno

Colégios SESI-SENAI Rondônia utilizam ferramenta Lego como instrumento de aprendizagem