Usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação em nosso site. Ao navegar, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Aviso de Privacidade e nossa Política de Privacidade. Se você concorda, clique em ACEITO.

IMPRENSA
15 de June de 2022 - 08h56

A- A A+

De aluno olímpico ao sucesso como instrutor de panificação do SENAI Rondônia


“O SENAI tem papel primordial na minha vida por me motivar a estudar e abraçar as oportunidades. Acredito que se não tivesse feito SENAI minha realidade profissional seria muito diferente. Ter no currículo um curso desta instituição referência em qualificação profissional, é um diferencial que deixa o profissional à frente de qualquer concorrente na hora de buscar uma vaga no mercado de trabalho”.

A afirmação é do instrutor Cleiton Guimarães Passos, 28, formado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de Rondônia (SENAI-RO), no curso de nível técnico em Panificação e Confeitaria entre 2011 e 2012, Cleiton Guimarães Passos, 28, que aceitou o desafio para participar da Olimpíada do Conhecimento (OC) daquele ano. Representando Rondônia conquistou o terceiro lugar na etapa nacional, em São Paulo, na ocupação de Panificação.

Também foi avaliador na Olimpíada do Conhecimento SENAI, na etapa nacional nas edições 2016 e 2018, em Belo Horizonte/MG. “Participar da Olimpíada foi uma experiência inesquecível e que para vencer, os competidores precisam dar o melhor de si”.

Quando retornou da OC, Cleiton, aprovado em processo seletivo, entrou para o SENAI-RO como instrutor na mesma unidade onde sua história com a instituição começou. Ele conta que sua experiência desde o começo tem sido gratificante. Disse que decidiu fazer o curso no SENAI para ter e ser um diferencial no mercado e veio à instituição buscar conhecimento com o objetivo de se destacar no setor.

“Quando ingressei na área da panificação, não tinha nenhuma formação técnica profissional. Entrei na cara e na coragem para aprender o ofício no dia a dia. E quando foi oferecida a oportunidade de fazer um curso no SENAI e me especializar, enxerguei a oportunidade de adquirir conhecimento e me profissionalizar. Conquistei visibilidade, não apenas pelo curso, mas pela participação na Olimpíada do Conhecimento. De lá para cá venho crescendo como profissional. O reconhecimento conquistado no segmento da panificação em Porto Velho, é graças a tomada de decisão de entrar para o SENAI há mais de duas décadas”, contou Guimarães.

Como instrutor, Guimarães sempre aconselha seus alunos que se empenhem e se capacitem, “pois, esse diferencial ao concluir um curso profissionalizante no SENAI vai mudar sua vida profissional, principalmente quando estiver concorrendo a uma vaga no mercado de trabalho e isso falo com experiência, quando se é um aluno capacitado pelo SENAI, ele terá sempre à preferência no mercado”.

Graduado em Nutrição pelas Faculdades Integradas Aparício Carvalho (Fimca), em 2018, Guimarães também realiza consultoria técnica na padronização de processos industriais e inovação de produtos no segmento. O instrutor continua se especializando e adquirindo novos conhecimentos para dar continuidade ao seu trabalho como instrutor e contribuir para a melhor formação possível dos alunos que serão os futuros profissionais do setor de panificação e confeitaria de Rondônia.

Realçando a importância da Olimpíada do Conhecimento, Guimarães afirma que a competição é uma vitrine da qualidade da educação profissional patrocinada pela indústria brasileira. “Além de incentivar a dedicação dos estudantes, é uma forma de avaliar a qualidade da educação oferecida pelo SENAI”, disse.

Ao participar da OC os jovens estão sendo preparados para tornar a indústria brasileira mais produtiva e mais competitiva. “Estes jovens alunos não estão apenas sendo qualificados no domínio de uma competência, mas também em um alto nível de planejamento, de processo de execução, de técnicas. Este é o nível de excelência que a indústria precisa”, afirmou Guimarães, que veste a camisa do SENAI Rondônia com orgulho.

O presidente do Sindicato das Indústrias de Panificação de Rondônia (Sindipan-RO) e vice-presidente de Assuntos Sociais da Federação das Indústrias de Rondônia (FIERO), José Balbino Nascimento não poupa elogios ao egresso que se tornou instrutor e se tornou um dos profissionais mais requisitados do setor.  “Cleiton Guimarães é prata da casa, é um instrutor de primeira linha do SENAI, e cujo conhecimento e experiência têm lhe garantido o destaque merecido e o reconhecimento pelo seu profissionalismo que tem formado centenas de novos profissionais para o setor da panificação rondoniense”.

Olimpíada do Conhecimento

Organizada desde 2001 pelo SENAI, a OC é a maior competição de educação profissional das Américas. O torneio, realizado a cada dois anos, reúne estudantes de cursos técnicos e de formação profissional do Senai e dos Institutos Federais de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (IF).

 


Mais notícias

Instrutores de Elétrica do SENAI Cetem participam de treinamento em operação de subestações blindadas de média e baixa tensão

SENAI Rondônia beneficia população de Candeias do Jamari com cursos EAD gratuitos

Gratuidade do SENAI Rondônia realiza cursos EAD para alunos de Guajará-Mirim e Nova Mamoré

Secretário regional da Sepog em Ji-Paraná conhece as instalações do SESI SENAI