Usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação em nosso site. Ao navegar, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Aviso de Privacidade e nossa Política de Privacidade. Se você concorda, clique em ACEITO.

IMPRENSA
02 de August de 2022 - 10h25

A- A A+

SENAI Rondônia tem projeto selecionado e premiado em edital da ABDI

Com o projeto denominado “Mais Rondônia”, o Departamento Regional do Serviço Nacional de Aprendizado Industrial (SENAI-RO) foi premiado no edital lançado pela Associação Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), que selecionou iniciativas de apoio à transformação digital de micro, pequenas e médias empresas dos setores econômicos secundário e terciário, sediadas nas Unidades Federativas das regiões Centro-Oeste, Nordeste e Norte do país, que serão executados por redes ou ecossistemas de inovação.

A técnica da área de Soluções em Tecnologia e Inovação do SENAI-RO, Cleópatra Caldeira, informou que o projeto do DR-RO, focado na transformação digital nas empresas, ficou em quinto lugar, sendo o único da região Norte a ser contemplado no edital da ABDI.

O projeto, que nasceu da parceria SENAI, Instituto Federal de Rondônia (IFRO) e a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico (SEDEC), propõe a utilização de tecnologias de medição e monitoramento inteligente do consumo elétrico, a fim de permitir a coleta, armazenamento, acesso e uso de dados relevantes para o desenvolvimento de análises e tomada de decisões, com consequente otimização do consumo de energia elétrica e diminuição de custos de operação.

Conforme Cleópatra, esse é o projeto piloto de implementação. A princípio, a meta é disponibilizar um aplicativo juntamente com o equipamento de medição para 60 empresas, com escalabilidade de ampliar o número de clientes atendidos.

“As pequenas e médias empresas consomem muita energia, e esses medidores vão facilitar o acompanhamento da energia, pelo histórico de quais os períodos do dia têm os maiores picos de energia. A ideia é fracionar, dividir os horários, para minimizar os custos, e garantir o poder de decisão sobre a conta de energia em tempo real, por meio da transformação digital das empresas participantes”, afirma a técnica. 

O coordenador de Soluções em Tecnologia e Inovação, José Rafael Lopes e as técnicas Lissandra Souza e Cleópatra Caldeira, sob a gestão geral do diretor regional do SENAI-RO, Alex Santiago, integram a equipe responsável pelo projeto.

De acordo com Santiago, este reconhecimento consolida a imagem do SENAI enquanto provedor de serviços técnicos e tecnológicos, não apenas em educação, mas na contribuição efetiva para o aumento da eficiência da indústria local, uma vez que a energia é um dos principais insumos de qualquer segmento produtivo.

“Este prêmio”, pontua o diretor regional do SENAI-RO, traz para a região um recurso que vai apoiar atividades dentro da nossa regional. Por fim, e não menos importante, faz com que a FIERO devolva à sociedade industrial o que ela espera de uma entidade, cuja missão é defender e trabalhar em prol da eficiência e competitividade dos processos produtivos”, finalizou. 

 


Mais notícias

SENAI e o Programa Soldado Cidadão capacitam egressos das Forças Armadas

SENAI CETEM realiza aula inaugural do projeto Soldado Cidadão para nova turma

SENAI Rondônia busca a vertente da prestação de serviços técnicos e tecnológicos

Fluxo eficiente na cozinha industrial é tema de palestra do SENAI na Feira de Gastronomia