IMPRENSA
11 de June de 2024 - 10h09

A- A A+

Faturamento e horas trabalhadas na produção industrial cresceram em abril, aponta CNI

Indicadores Industriais mostram que a indústria de transformação está aquecida e se recupera de 2023.  Utilização da Capacidade Instalada também aumentou

 

A Indústria de transformação apresenta cenário positivo em abril, segundo Confederação Nacional da Indústria (CNI). Os Indicadores Industriais mostraram alta nos índices de faturamento real, de número de horas trabalhadas na produção e de nível de utilização da capacidade instalada.


“O mercado de trabalho aquecido, com avanço do rendimento, a melhora do ambiente de crédito e a inflação moderada favorecem o poder de compra da população e, consequentemente, o consumo de bens industriais. Mesmo os indicadores que recuaram no mês apresentam aumento quando comparados com o ano passado, mostrando que a situação da Indústria de transformação é mais favorável em relação a 2023”, explica a economista da CNI, Larissa Nocko.

Vale ressaltar que esta edição dos Indicadores Industriais não reflete o impacto das enchentes no Rio Grande do Sul. Esse impacto deve ser notado, principalmente no próximo levantamento, que trará dados referentes a maio.


Faturamento e horas trabalhadas cresceram em abril


O faturamento real da indústria de transformação cresceu 1,5% na passagem de março para abril de 2024. Na comparação com abril de 2023, a alta foi de 12,2%.


Já o número de horas trabalhadas na indústria de transformação avançou 2,4% de março para abril de 2024, na série livre de efeitos sazonais. Ao comparar com abril de 2023, a alta foi de 8,2%.

O indicador de emprego apresentou uma pequena variação de 0,3%, que representa estabilidade em abril. Em comparação com abril do ano passado, esse índice cresceu 1,4%.


Massa salarial e rendimento médio recuaram como esperado


Devido ao fechamento de uma fábrica em São Paulo, os indicadores de massa salarial e de rendimento médio da indústria de transformação mostraram uma alta excepcional em março. Por isso, já era esperado um recuo considerável em abril.


A massa salarial caiu 2,8% e o rendimento médio dos trabalhadores recuou 2,5% na passagem de março para abril de 2024, na série livre de efeitos sazonais. Apesar disso, ambos seguem em alta quando comparados com 2023.


Utilização da Capacidade Instalada apresentou leve aumento


A Utilização da Capacidade Instalada (UCI) ficou em 79,2% em abril de 2024, um aumento de 0,5 ponto percentual na comparação com março, na série dessazonalizada. Na comparação com abril de 2023, foi registrada alta de 1,3 ponto percentual.


Mais sobre os Indicadores Industriais


O objetivo dos Indicadores Industriais é identificar, mensalmente, a evolução de curto prazo da atividade industrial, mais especificamente da indústria de transformação.


Como pesquisa conjuntural, a importância deve-se à capacidade de indicar o comportamento efetivo da atividade industrial por meio de variáveis como faturamento, emprego, remuneração e utilização da capacidade.


A pesquisa teve início em 1992 e resulta de parceria da CNI com as Federações Estaduais das Indústrias. Os estados pesquisados respondem por mais de 90% do produto industrial brasileiro. Para a edição de abril foram consultadas 980 empresas entre 2 e 27 de maio.


Mais notícias

SENAI CEET de Porto Velho será ponto de matrícula na semana V do Programa Vencer

80 por cento dos brasileiros defendem melhoria dos gastos públicos, aponta pesquisa da CNI

Alunos do SESI de Porto Velho se destacam na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

SESI e SENAI de Cacoal marcam presença na Feira do Cacau e do Café