Usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação em nosso site. Ao navegar, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Aviso de Privacidade e nossa Política de Privacidade. Se você concorda, clique em ACEITO.

IMPRENSA
06 de June de 2022 - 10h49

A- A A+

Nova formação da equipe ELEV3R do SESI-SENAI de Vilhena participa do primeiro desafio em competição nacional

A equipe ELEV3R Robotic Team, da unidade SESI-SENAI-IEL de Vilhena, em sua nova formação, mas não menos entusiasmada e determinada, passou com louvor por mais um teste, ao participar do Festival SESI de Robótica 2022, onde conquistou a segunda melhor pontuação da Região Norte na competição de mesa.

O festival, realizado em São Paulo, entre 27 e 29 de maio, contou com a participação de mais de 1,2 mil competidores e mais de 13,2 mil visitantes. As competições aconteceram nas modalidades de FIRST LEGO League (FLL), Torneio SESI de Robótica FIRST Tech Challenge (FTC) e Torneio SESI F1 nas Escolas (F1).

O gerente da unidade SESI-SENAI-IEL de Vilhena, Silvio Leite contou que “esta foi a primeira vez que estes alunos participaram de uma competição nacional, eles não tinham nenhuma experiência, e mesmo assim alcançaram um resultado que dá a eles a chance de serem selecionados para o Aberto que será realizado no Rio de Janeiro, em agosto”, disse.

Silvio Leite ressaltou a alegria com a participação dos alunos nesta etapa importante do torneio de robótica. “Pude presenciar a dedicação, responsabilidade de cada um deles nesses três dias de evento. O que fica para nós são as lições aprendidas para que possamos buscar novos resultados em futuros torneios”, exultou.

Técnico da ELEV3R Robotic Team, professor Silvio Luiz Vichroski, não poupou elogios aos jovens integrantes equipe. “Fiquei muito feliz com o resultado, pois por esse ano nossa equipe é toda formada por alunos novatos, sem nenhuma experiência em torneios”, explicou.

Ainda conforme Vichroski, “deixamos para trás muitas equipes veteranas nesse torneio, mas o principal objetivo foi alcançado, a experiência e aquisição de conhecimentos e métodos que às principais equipes do Brasil usam, com isso agora iniciamos um novo ciclo, com novos objetivos e metas”, garante o treinador.

Para finalizar, Vichroski confirmou que treinos continuam para aperfeiçoar o robô e as programações. “Nossos alunos voltaram com uma outra visão de como devemos agir como equipe, perceberam que sempre devemos estar buscando nos aperfeiçoar para cada vez estarmos mais preparados para chegar mais longe nos próximos torneios”.

Também orgulhosa da equipe, a técnica e professora Lorines Cezne, destacou a importância do torneio. Em seu ponto de vista uma oportunidade para que cada integrante explore suas habilidades e fortaleçam o trabalho em equipe.

 

 


Mais notícias

Departamento Regional de Rondônia participa do Seminário Internacional SESI Educação

Colégios SESI retornam às atividades escolares

Mundo da educação e da tecnologia caminham entrelaçados no SESI e SENAI de Rondônia

Equipe de futsal do SESI-SENAI de Pimenta Bueno é campeã nos jogos municipais