IMPRENSA
21 de dezembro de 2017 - 16h24

A- A A+

Movimento Rondônia pela Educação realiza Workshop sobre Enem 2016

O Movimento Rondônia pela Educação, debateu na tarde de terça-feira (28), na sede da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero), com representantes de escolas e pais de alunos, propostas para melhorar as condições de aprendizagem dos estudantes do Ensino Médio que realizarão o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nos dias 5 e 6 de novembro. Com as informações coletadas, serão montadas ações que serão executadas nos meses de julho a outubro. Ainda será feita uma campanha para reduzir o índice de faltosos no dia do exame.  O evento reuniu mais de 150 participantes.

Na ocasião, a coordenadora estadual do Movimento, Raquel Serbino, apresentou dados sobre o Programa Internacional de Avaliação de Alunos (PISA). “O Pisa é uma avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos. Em 2012 foram analisados 65 países. O Brasil ficou em 55º lugar em conhecimentos de leitura, 59º em ciências e 58º em matemática”.

Raquel Serbino apresentou ainda o desempenho de Rondônia em nível nacional, segundo o PISA. “Nas mesmas competências leitura, ciências e matemática, nosso estado apresenta os seguintes resultados respectivamente: 12º, 15º e 13º. É este cenário que nós queremos modificar e só conseguiremos atingir um resultado positivo se houver um trabalho coletivo entre poder público, iniciativa privada e sociedade civil”, frisou.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisa Anísio Teixeira (INEP) o aprendizado dos alunos da rede de educação básica em Rondônia nos conteúdos de Português e Matemática é de apenas 24,2% e 5% respectivamente. “Esses alunos são a força de trabalho de amanhã e vão chegar ao mercado de trabalho com uma deficiência enorme de conhecimento. Precisamos mudar esta realidade. Nosso foco é apontar soluções e não procurar culpados”, ressaltou a coordenadora Estadual do Movimento.

Outro ponto destacado pela coordenadora do Movimento foi em relação ao quantitativo de estudantes que se inscrevem, mas não fazem o exame. “Cerca de 30% dos inscritos não fazem a prova. Além de trabalhar o reforço escolar, precisamos sensibilizar pais e principalmente os estudantes sobre a relevância desta avaliação para que eles não faltem no dia da prova”, enfatizou.

Aparecida Meireles, gerente de Controle, Avaliação e Estatística da Secretaria de Estado da Educação de Rondônia (Seduc-RO), apresentou alguns dados sobre evasão escolar. “Nós tivemos uma melhora significativa no ano de 2014 em relação a evasão escolar. Nossa meta é reduzir ainda mais este índice e as ações do Movimento Rondônia pela Educação vão agregar resultados positivos neste sentido”, falou.

Aparecida acrescenta que o Movimento somará forças com as ações já desenvolvidas pelo governo do Estado. “A iniciativa da indústria em envidar esforços junto com o governo para a melhoria da educação resultará em pessoas com melhor nível de instrução e qualificação profissional que contribuirão para o desenvolvimento econômico do nosso Estado. Quem ganha com isso é a sociedade com indivíduos com uma perspectiva melhor de vida e melhores oportunidades no mercado de trabalho”, falou.

Roniza Lacerda, mãe de aluno, enfatizou que os pais devem participar do dia a dia dos filhos na escola. “Precisamos ficar atentos ao material que está sendo utilizado, conhecer as principais avaliações de desempenho, como o Enem, por exemplo, que é essencial para a entrada na universidade. Este debate entre escola, pais e indústria gera uma autoestima nos estudantes, pois passa uma mensagem de que estamos preocupados em conduzi-los a um futuro melhor e com mais oportunidades”, falou.


Mais notícias

Bioeconomia é uma das agendas prioritárias da biodiversidade brasileira, diz Marcelo Thomé

Mais da metade da indústria está com dificuldade para atender sua demanda, afirma CNI

Indústria pode ser protagonista da bioeconomia no Brasil, diz presidente da CNI

Pavimentação asfáltica garante qualidade e segurança à comunidade escolar do SESI-SENAI-IEL de Cacoal