Usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação em nosso site. Ao navegar, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Aviso de Privacidade e nossa Política de Privacidade. Se você concorda, clique em ACEITO.

IMPRENSA
14 de January de 2022 - 11h38

A- A A+

FIERO promove nova rodada de testagem para Covid em seus colaboradores

Preocupada com a saúde e segurança de seus colaboradores, a Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (FIERO) e seus braços operacionais SESI, SENAI e IEL promoveram no retorno às atividades deste ano, a realização de testagem rápida de todos para verificação da existência de infecção pela Covid-19. Conforme as informações da coordenação de Saúde e Segurança na Indústria (SSI), não houve incidência de casos positivos para a doença em nenhuma unidade operacional do estado.


A precaução da diretoria é em relação à disseminação da nova variante (Ômicron) da doença, e também quanto aos sintomas da gripe H3N2 que se alastra pelo mundo e que já preocupa as autoridades sanitárias em razão da volta do aumento dos casos de internações em hospitalares. Além desta medida, um cronograma de sanitização de todas as unidades vem sendo elaborado pela Supervisão de Engenharia, Infraestrutura e Logística da FIERO para os próximos dias. Segundo a supervisora Géssica Zanettin, neste sábado acontece a sanitização nas unidades do CAT e CEET e SESI Clínica, em Porto Velho. Na segunda-feira, 17, será a vez da Casa da Indústria. “Os trabalhos iniciarão após o expediente da tarde, e nos próximos dias, o mesmo processo ocorrerá nas unidades do interior, para concluirmos tudo antes do início das aulas”, afirmou.


Paralela à ação da FIERO, o Serviço Social da Indústria elaborara um guia para orientar as indústrias de todo o estado sobre o novo cenário da pandemia da Covid-19, com a constatação do exponencial aumento no número de casos envolvendo a variante Ômicron, além do surto do vírus da gripe Influenza H3N2. A cartilha conterá orientações sobre os impactos gerados na rotina das empresas e trabalhadores, bem como reforçar as medidas de prevenção, boas práticas, adequações na rotina individual e coletiva, que são fundamentais para a saúde de todos.


De acordo com o coordenador de SSI, Victor Hugo Morais, as pessoas devem ficar atentas aos seguintes sintomas: fadiga, dor de garganta, dor no corpo, dor de cabeça e tosse. “Também devemos continuar com todas as rotinas de segurança, como o uso de máscaras, manter o distanciamento social e evitar aglomerações, além de manter o esquema vacinal em dia”, afirmou.


Influenza H3N2


O vírus H3N2 é um dos subtipos do vírus Influenza A, também conhecido como vírus do tipo A, que é um dos principais responsáveis pela gripe comum e pelos resfriados, uma vez que é muito fácil de ser transmitido entre pessoas por meio das gotículas liberadas no ar quando a pessoa gripada tosse ou espirra.


A H3N2, provoca os típicos sintomas de gripe, como dor de cabeça, febre acima dos 38ºC, sendo importante que a pessoa repouse e beba bastante líquidos para favorecer a eliminação do vírus do organismo. Além disso, pode ser recomendado o uso de remédios que ajudam a combater os sintomas, como por exemplo analgésicos e anti-inflamatórios. A coordenação de SSI também pede para que os colaboradores fiquem atentos às seguintes reações: dor no corpo; dor de garganta; espirros; tosse, coriza; calafrios; cansaço excessivo; náuseas e vômitos; diarreia, que é mais frequente de acontecer em crianças; e moleza. “Ao sinal de qualquer um desses sintomas, procure a equipe de saúde do SESI para prestarmos orientações e encaminhamentos”, explicou Victor Hugo.


Mais notícias

Programa SENAI Vai Até Você é apresentado à prefeitura de Porto Velho

Utilização da Capacidade Instalada da indústria ficou em 69 por cento em abril, afirma CNI

FIERO participa do lançamento do livro - Compliance Para o Sistema Indústria: Teoria e Prática

SENAI de Ariquemes é contemplado com recurso para utilizar em projeto social